19 de junho de 2017

Gelado de pêssego saudável


Estas temperaturas pedem mesmo para que a época dos gelados seja aberta aqui pelo blogue!
O calor parece estar a vir em força!
E com dias assim sabe mesmo bem um gelado :)
Este é maravilhoso, apenas com 3 ingredientes, saudável, sem açúcar! Até quem está de dieta se pode deliciar com ele! E acreditem é delicioso! Fiquei completamente rendida a ele :)
Uma senhora tinha-me ido levar ao trabalho imensos pêssegos do quintal, que tinham que ser comidos na hora porque não tinham qualquer tratamento e já estavam maduros! Assim que cheguei a casa cortei-os, congelei-os e no dia seguinte saiu este gelado bom!!


Quinta de Jugais lançou agora uma nova gama de doces! Se sempre optaram pela fruta acabada de colher e adaptaram os doces às receitas das avós, com um pouco de açúcar agora surgiram com uns doces fantásticos, na mesma com a melhor fruta, mas sem açúcar, corantes e conservantes!
A composição é mesmo fruta (60%), sumo concentrado de fruta, pectina e sumo de limão!
Fiquei surpreendida quando abri o primeiro doce! É tão docinho e tem uma consistência óptima, é menos espesso!
Adorei, foi uma surpresa maravilhosa! É bem doce e sem o açúcar refinado! Fiquei fã :)
E agora vamos à receita!


Ingredientes:
- 750g de pêssego cortado e congelado
- 300g de queijo quark
- 100g + 75g de doce de pêssego natura Quinta de Jugais


Preparação:
Num robot de cozinha (bimby):
1 - Congelar previamente os pêssegos cortados em pedaços em vários sacos de congelação e espalhados ao longo do saco para que não fique um volume congelado muito grande (assim conseguem separar-se bem os pedaços de pêssego).
2 - Colocar os pedaços de pêssego na bimby juntamente com o queijo quark e com 100g de doce de pêssego e triturar a velocidade 10 cerca de 30seg, ajudando com a espátula.
3 - Colocar o gelado numa forma e por cima o restante doce de pêssego e envolver (fazer um swirl).
4 - Servir de imediato ou levar ao congelador e retirar 15min antes de servir.


Modo tradicional:
1 - Triturar os pêssegos com o queijo quark e com o doce até obter uma mistura homogénea.
2 - Colocar na máquina de gelados, ou em alternativa, levar ao congelador e bater pelo menos 3 vezes durante a solidificação.
3 - Na terceira vez que retirar do congelador para bater colocar uma camada do doce de pêssego por cima e envolver (fazer um swirl). Voltar a levar ao congelador.
4 - Retirar do congelador 15min antes de servir.




16 de junho de 2017

Copos de abacate, açaí, mirtilos e papaia


Cada vez gosto mais de pequenos almoços! Bons pequenos almoços, que nos dão energia para o resto do dia!
Quando há tempo não dispenso um pequeno almoço colorido!
Habitualmente como sempre fruta ao pequeno almoço, sabe-me tão bem :)
Mas lembro-me que no tempo da faculdade era capaz de sair de casa sem comer nada... preferia mais uns bons minutos na cama que tomar o pequeno almoço. Saia da cama, tomava banho e ia para a faculdade!
Hoje seria impensável :p
A passear no instagram deparei-me com uns copos lindos e na manhã seguinte tive que me levantar um bocadinho mais cedo para os fazer :)


Receita adaptada de: greenkitchenstories

Ingredientes:
- 2 abacates maduros
- 6 tâmaras demolhadas durante a noite
- 2 colheres de sopa de água
- 1 colher de sopa de açaí liofilizado
- 1/2 chávena de mirtilos
- 2 iogurtes naturais
- 1/2 papaia madura
- 2 colheres de chá de manteiga de amendoim
- amêndoa laminada
- pólen de abelha
- pepitas de cacau cru


Preparação:
1 - Triturar o abacate com as tâmaras e com a água.
2 - Colocar cerca de 2/3 da mistura no fundo dos copos. Reservar a restante mistura do abacate.
3 - Por cima colocar um pouco de iogurte natural.
4 - Na restante mistura do abacate triturar os mirtilos e juntar o açaí. Colocar nos copos por cima do iogurte.
5 - Colocar mais um pouco de iogurte.
6 - Triturar a papaia com 2 colheres de sopa de iogurte e colocar nos copos.
7 -  Sobre esta mistura colocar a manteiga de amendoim (1 colher de chá por cada copo), o pólen de abelha, a amêndoa e as pepitas de cacau cru a gosto.
8 - Envolver a mistura.


12 de junho de 2017

Camarões com cajus, alho e chalotas e salada de manga

Quem me conhece sabe que uma das minhas grandes paixões é viajar!
Adoro tudo... adoro sonhar com a viagem, pensar, programá-la, escolher os hotéis, ler sobre os destinos, calcular o tempo necessário para cada lugar e imaginar a hora de lá chegar!
Gosto de ler livros de autores do país para onde vou, acho que ainda torna a viagem mais enriquecedora!
E depois adoro chegar, deparar-me com realidades diferentes, outras pessoas, outra cultura, comidas diferentes :)
Gosto muito de quase todas as viagens que faço mas esta última encantou-me! O Vietnam é um lugar único!
Sou apologista de que o mundo é tão grande que não devemos repetir destinos (fora da Europa, pelo menos) mas ao Vietnam voltava num abrir e fechar de olhos!
As pessoas... a cultura... a gastronomia! É tudo tão encantador :)


Já experimentei várias receitas deste livro e todas elas resultaram lindamente. Deixo-vos estas que adoramos :) As saladas de manga de lá são frequentes e comi uma tão boa em Hoi An que acho que nunca me vou esquecer, do restaurante, da comida fabulosa e da dona e cozinheira, uma senhora amorosa!!!
Eles usam imensos frutos secos, especiarias e ervas aromáticas! Há sempre um perfume maravilhoso nos pratos que nos servem! :)


Receita baseada em: Rick Stein's far eastern odyssey - Nyonya prawns with fried cashew nuts, garlic and shallots - pag 146

Ingredientes:
Para os camarões:
- 4 colheres de sopa de azeite
- 2 colheres de chá de lemongrass em pó
- 1 colher de sopa de molho de peixe
- 100g de cajus partidos ao meio
- 10 dentes de alho
- 3 chalotas
- 1/2 pimento vermelho
- 1kg de camarões
- 1 colher de chá de paprica
- 1 colher de sopa de molho de tamarindo
- 165mL de leite de coco
- coentros
Para a salada:
- 1 manga
- 1/2 pepino
- 1/2 chávena de amendoins
- coentros
- sumo de 1 lima
- 1 colher de sopa de molho de peixe


Preparação:
Para os camarões:
1 - Colocar azeite com o pó de lemongrass e o molho de peixe numa frigideira. Levar ao lume.
2 - Juntar os cajus, as chalotas, os dentes de alho e o pimento.
3 - Adicionar o camarão temperado com sal e juntar a paprica e o molho de tamarindo.
4 - Quando os camarões estiverem bem cozinhados juntar o leite de coco e misturar bem.
5 - Adicionar coentros frescos.
Para a salada:
1 - Descascar a manga e o pepino e cortar em fatias bem finas.
2 - Adicionar os amendoins.
3 - Juntar o sumo de lima com o molho de peixe e regar a salada.
4 - Adicionar coentros a gosto.


8 de junho de 2017

Pão de manga e amoras




Acontece-me com frequência andar a passear pelo instagram e dar-me um ataque de fome e de vontade de ir para a cozinha!!!
Quando vi este pão de manga fiquei rendida!
Gosto imenso de mangas e tinha algumas no frigorífico... Juntei o útil ao agradável e pus as mãos na massa :) As amoras vieram da minha avó paterna, que me guarda sempre imensas amoras, framboesas e morangos do quintal (são frutos tão mais saborosos que os de compra, sem qualquer tratamento!!)
É um pão doce para mim, mas para o J. é claramente um bolo de pequeno almoço como ele lhe chama!
Sobrou-me puré das mangas trituradas que guardei e servi com as fatias de pão! Fica tão bom :)


Receita baseada em: sobeautifullyreal

Ingredientes:
Ingredientes secos:
- 1 chávena de farinha de arroz
- 1/3 chávena de farinha de aveia
- 2 colheres de sopa de farinha de tapioca
- 1/2 chávena de farinha de amêndoa
- 1 colher de chá de fermento
- 1 colher de chá de bicarbonato
- 1 colher de chá de goma xantana
- 1/2 colher de chá de cardamomo
- 1/4 colher de chá de sal
- 1 chávena de açúcar de coco
- 1/2 chávena de nozes cortadas grosseiramente
Ingredientes molhados:
- 2 chávenas de puré de manga (cerca 3 mangas bem maduras)
- 1/2 chávena de óleo de coco derretido
- 1 ovo
- 3 colheres de sopa de leite de amêndoa (usar mais caso a massa esteja muito seca/pegajosa)
1/2 chávena de amoras


Preparação:
1 - Pré-aquecer o forno a 180º.
2 - Misturar os ingredientes secos numa taça grande e reservar.
3 - Juntar os ingredientes molhados e depois de bem misturados adicioná-los aos secos.
4 - Assim que a mistura esteja bem combinada adicionar as amoras e envolver.
5 - Colocar a massa numa forma forrada com papel vegetal e levar ao forno cerca de 45min. Deixar arrefecer cerca de 15-20min antes de fatiar.